Como cuidar do capacete

Atualizado: Mar 11



O capacete é o principal item do seu equipamento de proteção, por isso, a grande dica é cuidar bem desse elemento, fazendo sempre que possível uma manutenção no capacete e, inclusive, trocando-o de tempos em tempos.

Existem diversas marcas, modelos e tipos de capacete e é claro que você vai se sentir mais confortável com um ou outro. Não se apavore ao comprar um capacete, pesquise e experimente várias opções.

As principais marcas de capacete no mercado são: Shark, AGV, Shoei e Norisk uns são mais baratos e outros menos. Os modelos aceitos pelo Conselho Nacional de Trânsito são: Aberto, Modular, Misto e integral.

“Como escolher o capacete ideal?” Deixa tudo sobre esse assunto bem claro, confira lá!

Como fazer o capacete durar mais


A primeira coisa a saber é: se o capacete já sofreu o impacto de uma queda, batida ou qualquer outra coisa do gênero, não adianta, precisa ser trocado. Não importa se é Shoei, Shark, AGV ou qualquer outra marca, todos os capacetes aguentam apenas um acidente.

O capacete pode ser feito com os materiais: fibra de vidro, Kevla, plástico injetado e fibra de carbono. Todos esses precisam de manutenção e, é recomendável trocar de capacete em um prazo de 3 a 5 anos. Esses números não são uma regra, afinal, dependem da manutenção de capacete que você faz.

Por conta de ser quente e úmido, o capacete pode até se tornar um foco de doenças, acredite se quiser! O melhor do mundo para o seu capacete durar mais tempo é com que você dê manutenção na parte interna e externa dele.

Veja algumas dicas de manutenção de capacete:


  • Nunca, em hipótese alguma mergulhe o capacete na água! Isso pode danificar gravemente a estrutura;

  • Guarde o capacete em uma superfície plana e limpa com a abertura para cima. Isso vai evitar que o capacete caia e quebre, além de prevenir contra microorganismos, que precisam de calor e locais abafados para sobreviver;

  • O ideal é limpar o capacete uma vez por semana. Quanto mais tempo em uso, menor deve ser o tempo entre uma limpeza e outra;

  • Forro: se for removível, tire-o e limpe com detergente neutro. O ideal é lavar na mão, mas se for lavar na máquina, selecione a opção de “roupas delicadas”;



Se não for removível, passe água e detergente neutro no pano e passe uniformemente no forro. Deixe na sombra até secar. Não deixe o forro secar no sol! Isso prejudica o material interno e reduz o coeficiente de proteção dele.

  • Limpe a viseira com um pano macio molhado com água e sabão neutro. Tome cuidado para não riscá-la. É bom polir um pouco a viseira, aplique um pouco de cera no casco dela;

  • Use um pano embebido em água e sabonete neutro para passar na parte externa do capacete;

Evite produtos fortes, ácidos, abrasivos, eles podem prejudicar o material, diminuir a eficiência e danificar a pintura. O polimento deve ser feito sem exagero. Não use produtos de limpeza à base de petróleo


Lembre-se sempre de fazer a manutenção no seu capacete, quanto mais judiado ele estiver, menos ele vai te proteger quando você precisar dele, então, dedique um pouco do seu tempo a essa tarefa.


Problemas de não fazer manutenção no capacete


Para quem não tem o advento da informação, o capacete não precisa de manutenção, mas não é bem assim, a falta de cuidado com ele pode te gerar problemas facilmente evitáveis com uma manutenção de capacete básica.

Não importa a marca, seja AGV, Peels, Shark ou Shoei, todos os capacetes precisam de manutenção, em caso contrário, podem te dar alguns problemas como:


  • Acúmulo de sujeira na parte interna e suor. Favorece o desenvolvimento de microorganismos que podem gerar doenças respiratórias, de pele;

  • Redução de eficiência na proteção. A resistência pode diminuir se você tratar com descaso e limpar mal ou sequer limpar o seu capacete.




O que levar em conta na hora de comprar um capacete


Na hora de comprar um capacete, você vai precisar ficar atento a diversos fatores. Marca, material, tipo, preço, durabilidade e qualidade são alguns dos elementos que devem ser avaliados na hora da aquisição.

Os dois pontos mais importantes na hora de comprar um capacete são: potencial de proteção e visibilidade oferecida. Quanto maior melhor, mas é óbvio que o fator dinheiro sempre entra na conta, então, é possível você achar o ideal para você pesquisando um pouco.

Outras dicas que você precisa prestar atenção na hora de comprar um capacete:


  • Selo de qualidade. Se não tiver, não compre;

  • Quanto maior a viseira melhor;

  • Ventilação: quanto mais melhor;

  • Cobertura: assim como a ventilação e viseira, quanto maior melhor, oferece mais proteção;

  • Forro: precisa ter um material confortável e macio, principalmente na região da orelha;

  • Formato: o capacete precisa ser do mesmo formato que sua cabeça, existem diversos tipos: ovalados, redondos e por aí vai.

  • Tamanho: o capacete não pode ficar nem folgado nem justo;

Veja o texto “Como escolher o capacete ideal?”e descubra como acertar o seu tamanho.




0 visualização

Endereço:

Loja 1: Av. Gisele Constantino, 1598 - Pq. Bela Vista - Votorantim - CEP 18110-650

Loja 2: Av. Cláudio Pinto Nascimento, 1368 - Parque Morumbi, Votorantim - CEP 18048-000

Atendimento:

E-mail: vendasweb@sapicomotos.com.br

Telefone: (15) 3243-2324

Whatsapp: (15) 99695-2324